Feliz aniversário

17/11/2017 § Deixe um comentário

 

Anúncios

The Complete Legendary Sessions

13/08/2017 § Deixe um comentário

Queer

23/07/2017 § Deixe um comentário

“Voltaram ao Ship Ahoy ainda em silêncio. Lee entrou e pediu uma bebida. Allerton desapareceu. Mais ou menos uma hora depois, voltou e foi sentar com Lee.
‘Que tal a gente sair pra jantar hoje?’, perguntou Lee.
Allerton respondeu: ‘Não, acho que vou trabalhar à noite.’
Lee estava deprimido e arrasado. O afeto e as risadas da noite de sábado tinham se perdido e ele não entendia por quê. Em toda relação amorosa ou de amizade, Lee tentava estabelecer contato no nível não verbal da intuição, uma troca silenciosa de pensamentos e sentimentos. Agora Allerton rompia abruptamente esse contato, o que causava em Lee uma dor física, como se aquela sua parte que tenteava estendida em direção ao outro tivesse sido amputada e ele olhasse chocado para o coto que sangrava, mal podendo acreditar naquilo.”

trecho de Queer, registro da dor-de-cotovelo sofrida pelo Burroughs, durante o período em que passou na América Latina, para encontrar o yage.

Love Light in Flight

22/05/2016 § Deixe um comentário

Domingo

22/05/2016 § Deixe um comentário

Calma

Nada Me Faltará

03/04/2016 § Deixe um comentário

“Como eu seguiria meus dias com esse vazio? Mas não! Não é isso. A verdade, caso realmente queira saber, a verdade é que o que eu senti realmente foi alívio.
Ok.
Eu estou me lixando para elas. Me entende, doutor?
Claro.
Eu estou cagando pra elas. … Elas não representam nada pra mim. … Não fazem falta nenhuma.
E você não acha que isso seja uma defesa?

Eu não sinto nada por elas.

Elas não fazem, absolutamente, falta nenhuma.

No fundo, doutor, para ser sincero, não consigo sentir afinidade ou emoção alguma em relação a nenhuma criatura. Será que você consegue entender isso, doutor? Será que este lugar pode suportar isso?

Acho que precisamos nos aprofundar nessa questão. Só que já estamos na nossa hora. Eu queria te propor uma coisa.
Você não respondeu a minha pergunta, doutor.
Paulo, este lugar pode comportar tudo o que você expressou. Pode ficar tranquilo quanto a isso. Posso te fazer uma proposta?”

trecho de Nada me Faltará, do Lourenço Mutarelli, que, a despeito da forças de alguns dos diálogos e do ritmo do texto, faltou em responder muita coisa, e nem falo de ter um final tradicional, no qual tudo fosse esclarecido, mas de conexões entre certos fatos e das motivações dos envolvidos. Enfim…Apesar disso, a novela vale a pena.

Coffee smell and lilac skin

03/04/2016 § Deixe um comentário

jeff

Como você era lindo… [via Mystery White Boy ]