Retórica das Paixões

28/03/2013 § Deixe um comentário

“Tais são, pois, aproximadamente as mais importantes, por assim dizer, das coisas temíveis e das que de fato se temem; digamos agora em que estado de ânimo se encontram os que temem.

Se o temor é acompanhado de uma expectativa de mal aniquilado, é evidente que ninguém teme entre os que creem que nada poderiam sofrer; não tememos aquilo que não julgamos que não poderíamos sofrer, nem aqueles que não se crê que poderiam causar algum mal, nem mesmo o momento em que não poderia acontecer alguma coisa. Necessariamente, pois, os que pensam que podem sofrer algum mal temem não só as pessoas que podem causá-los, mas também tais males e o momento da ocorrência.

Não creem poder sofrer nem aqueles que estão ou parecem estar em grande prosperidade, o que os torna insolentes, desdenhosos e temerários (criam homens dessa natureza a riqueza, a força, o grande número de amigos, o poder), nem o que creem já terem sofrido todas as coisas temíveis e se tornam indiferentes ao futuro, como os que antecipadamente recebem golpes de bastão; mas para temer é preciso guardar no íntimo alguma esperança de salvação, com respeito àquilo pelo que se luta.

Eis uma prova disso: o temor nos torna aptos a deliberar; ora, ninguém delibera sobre questões sem esperança.”

trecho da Retórica das Paixões, parte do Livro II, da Retórica, do Aristóteles.

Quem se interessar, encontra o livro, em edição grego-português e ótimo prefácio do Michel Meyer, no Scribd. Mais Interessados — e mais com tempo — encontram a Retórica na íntegra aqui.

Anúncios

Marcado:, , , , , , , , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Retórica das Paixões no Felicidade estoica.

Meta

%d blogueiros gostam disto: