Madorna de Iaiá

04/03/2011 § Deixe um comentário

Madorna de Iaiá

Iaiá está

na rede de tucum.

A mucama de Iaiá tange os piuns,

Balança a rede,

Canta um lundum

Tão bambo, tão molengo, tão dengoso,

Que Iaiá tem vontade de dormir

Com quem?

Rem-rem.

Que preguiça, que calor!

Iaiá tira a camisa,

Toma aluá

Prende o cocó,

Limpa o suor

Pula pra rede.

Mas que cheiro gostoso tem Iaiá!

Que vontade doida de dormir,,,

Com quem?

Cheiro de mel da casa das caldeiras!

O saguim de Iaiá dorme num coco.

Iaiá ferra no sono

Pende a cabeça,

Abre-se a rede

Como uma ingá.

Para a mucama de cantar,

Tange os piuns,

Cala o ram-rem,

Abre a janela,

Olha o curral:

– um bruto sossego no curral!

Muito longe uma peitica faz si-dó….

Si-dó…..si-dó……si-dó….

Antes que Iaiá corte a madorna

A moleca de Iaiá

Balança a rede,

Tange os piuns,

Canta um lundum

Tão bambo,

Tão molengo,

Tão dengoso,

Que Iaiá sem se acordar,

Se coça,

Se estira

E se abre toda, na rede de tucum.

Sonha com quem?

Anúncios

Marcado:, , , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Madorna de Iaiá no Felicidade estoica.

Meta

%d blogueiros gostam disto: